$type=grid$show=home$count=4$cate=0$rm=0$sn=0$au=0$cm=0

Pesquisa do Datafolha mostra irrealidade eleitoral


Marina Silva e Jair Bolsonaro
A maioria dos brasileiros acompanha desconfiadíssimo – e com razão – o resultado das últimas pesquisas eleitorais divulgadas pelo instituto Datafolha. Nelas, uma reviravolta espetacular indicando uma tendência que não vê nas ruas, nas redes sociais, nos bate-papos nos finais de semana, ou no que fora publicado dias atrás, por outro instituto de pesquisa: o DataPoder360.

Segundo o primeiro instituto, o Datafolha, uma candidata quadrienal, de pouco carisma eleitoral e que não desperta qualquer posicionamento político mais inflamado – a senhora Osmarina Silva, conhecida por Marina Silva, candidata à Presidência pelo partido Rede, ex-petista da gema e ex-ministra do hoje presidiário, Luiz Inácio Lula da Silva -, será a sucessora de Michel Temer. Apuraram que ela, se as eleições fossem hoje, seria a nossa próxima presidente em um eventual segundo turno disputado com o fenômeno eleitoral Jair Bolsonaro, levando 42% dos votos válidos contra 32% do candidato do PSL.

A pesquisa do mencionado instituto ainda prevê algo mais espantoso: Jair Messias Bolsonaro poderia perder a disputa até mesmo para Ciro Gomes, politico com conhecida rejeição eleitoral, e, com quem estaria empatado tecnicamente no caso de um possível segundo turno. A inquirição divulgada mostra ainda que o pré-candidato Jair Bolsonaro (PSL) nem apareceria mais como favorito na briga pelo segundo turno, e que a ex-senadora Marina Silva (Rede) disputaria com o ex-ministro Ciro Gomes (PDT).

O Datafolha teria entrevistado, segundo publicado pelo jornal Folha de São Paulo, 2.824 eleitores de 174 municípios brasileiros nos dias 6 e 7 de junho.

Acontece que, em data anterior à divulgação do Datafolha, precisamente uma semana atrás, o instituto DataPoder360 mostrou que o ex-capitão Jair Bolsonaro (PSL) segue firme na liderança isolada na corrida pela Presidência da República.

Em três cenários pesquisados (entre os candidatos mais competitivos), o deputado federal receberia de 21% a 25% dos votos, de acordo com a combinação de nomes apresentados. O estudo não cogitou a participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (preso e inelegível). O principal adversário do deputado seria Ciro Gomes (PDT), que ficou em segundo lugar em todos os testes, ficando entre 12% e 11% na preferência dos entrevistados.

Segundo consta no levantamento do DataPoder360, foram consultadas 10.500 pessoas através de telefones fixos e celulares, ouvidos em 349 municípios em todas as regiões do Brasil, no período de 25 a 31 de maio.

Coincidentemente, de acordo com o Datafolha, menos de 48 horas após a derrubada da lei do voto impresso pelo Supremo Tribunal Federal, a conjuntura mudou milagrosamente, e mostrou-se diametralmente oposta ao que estava sendo observado no país: a ascensão e consolidação do nome do presidenciável Jair Bolsonaro como o provável futuro presidente do Brasil.

É importante ressaltar que, não apenas o DataPoder360, mas outros tipos de sondagens setoriais foram feitas, como por exemplo, a da Agência XP Investimentos, em que perguntaram aos integrantes das principais instituições do mercado financeiro sobre o cenário eleitoral, e o resultado foi parecido ao encontrado pelo DataPoder360. A sondagem da XP revelou que 48% dos entrevistados acreditam que o deputado federal Bolsonaro ganhará o pleito. E que para 44%, o cenário mais provável no segundo turno, seria a disputa entre Ciro Gomes e Bolsonaro. Marina Silva, apontada pelo Datafolha como vencedora da disputa no segundo turno contra Bolsonaro, aparece apenas com 5% dos votos. O que mostra claramente que seu nome não possui muita consistência na corrida presidencial.


Outro exemplo: a pesquisa realizada nos período de 6 a 11 de junho do presente ano, pelo Instituto Paraná, no estado do Rio Grande do Sul (conhecido como um dos tradicionais “redutos da esquerda nacional”). Nela, Jair Bolsonaro aparece com 29,5% de intenções de voto, seguido por Marina Silva ( 10,4%) e Ciro Gomes ( 10,3%).


Muitos se perguntam, mas qual a explicação para resultados tão diversos em um mesmo cenário eleitoral?

A resposta pode ser dada pelos interesses midiáticos e eleitorais no Brasil. A surpreendente “reviravolta” mostrada pelo Datafolha – que pertence ao grupo da Folha de São Paulo, parece estar divorciada da realidade das ruas, dos aeroportos, dos eleitores nacionais e seus anseios. Ela encontra eco apenas em alguns setores nacionais, interessados na manutenção do nosso estamento burocrático. Por outro lado, pesquisas eleitorais costumam falhar fragorosamente. A eleição do americano Donald Trump é uma prova disso, já que o azarão Trump era tido como um fácil candidato a ser derrotado por Hillary Clinton e figurava com ampla desvantagem em todas as sondagens feitas.

Ademais, institutos de pesquisa que admitem consultar o nome de um presidiário como candidato, por si só não mereceriam ser levados muito a sério, pois parece-nos elementar que a sede administrativa do Palácio do Planalto não pode ser transferida para uma cela da Polícia Federal. Outro dado importante, um instituto de pesquisa que pertence a um grupo que, descaradamente, milita e põe seu jornalismo em favor da esquerda mundial, merece a total desconfiança dos brasileiros, devendo ser visto com extrema cautela.

Nas eleições de 2014, segundo levantamento feito pelo Yahoo Brasil, o Datafolha errou 63% por cento das previsões de intenção de votos válidos para cargos executivos envolvendo os principais candidatos no primeiro turno. E sempre quando erra, o instituto camarada erra em favor dos candidatos petistas e seus aliados.

O intuito de tais pesquisas duvidosas é claro: confundir o eleitor, apelando – via mídia – para uma mudança artificial no rumo eleitoral do país. Trajetória essa que não possui em seu curso o favoritismo de nenhum candidato com DNA marxista e que dessa forma, contraria os desejos das redações nacionais e de toda uma casta que há décadas domina a política brasileira.

A realidade pode ser muito cruel para quem foi mal acostumado, ou ainda para quem não é afeito a aceitar os desejos do povo. Resta-lhes, portanto, o esperneio e o uso de todos os métodos – sujos ou não – para vencer a guerra eleitoral. 


Fonte: Jornal Hora Extra

COMMENTS

Nome

#OLabinho,4,=,1,Acidente,1,Assassina,5,Auto-ajuda,2,Bahia,624,Barra da Estiva,1,Brasi,6,Brasil,2031,chuva,2,chuvas,2,Claudia Wild,4,CNH,1,comercio,2,Copa,1,Correios,8,Corrupção,206,D'jane Silva,6,Denúncia,348,Denûncia,63,Desabamento,6,Destaque,1903,Detran,1,Economia,219,Educação,24,Eleição,38,Elizeu Rosa,30,Emprego,9,Encostas,1,Energia,5,Entretenimento,111,Esporte,14,Eunápolis,9,Europa,1,Feira de Santana,15,FUNAI,1,Futebol,1,Google,4,Governo,35,Greve,8,Ilhéus,22,Indígenas,2,Inflação,4,Internacional,26,Internacional.,32,Internet,2,Itabuna,19,Jequié,75,Justiça,41,Lauro de Freitas,17,Meio Ambiente,6,Migrantes,14,Mundo,214,Natureza,2,Noticias,1872,Notícias,1507,Paulo Afonso,1,Pobreza,5,poli,3,Policia,93,Polícia,195,Politica,759,Política,1226,Porto Seguro,13,Religião,4,Rio de Janeiro,2,Rural,1,Salvador,320,Saúde,69,Segurança Pública,133,STF,1,Tecnologia,8,Teixeira de Freitas,15,Terroristas,4,Trânsito,18,transporte,48,TRE,5,TSE,1,Violência,112,Vitória da Conquista,29,w,2,www,1,
ltr
item
Ebahia News: Pesquisa do Datafolha mostra irrealidade eleitoral
Pesquisa do Datafolha mostra irrealidade eleitoral
https://www.jornalhoraextra.com.br/wp-content/uploads/2018/06/Marina-Bolsonaro-868x644.png
Ebahia News
http://www.ebahianews.com.br/2018/06/pesquisa-do-datafolha-mostra.html
http://www.ebahianews.com.br/
http://www.ebahianews.com.br/
http://www.ebahianews.com.br/2018/06/pesquisa-do-datafolha-mostra.html
true
6004791991803311525
UTF-8
Todas as publicações Não foi encontrada nenhuma postagem VER TUDO Mais informação Resposta Cancelar resposta Delete Por Home PAGES POSTS View All RECOMENDADO PARA VOCÊ LABEL ARQUIVO PESQUISA TODAS AS PUBLICAÇÕES Não encontrou nenhuma correspondência de pós com seu pedido Voltar Início Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS CONTENT IS PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy