$type=grid$show=home$count=2$cate=0$rm=0$sn=0$au=0$cm=0

Damares diz que força-tarefa vai rever anistia a cabos da Aeronáutica

A ministra da Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, participa de audiência pública na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle para debater ossadas em Perus e pedidos de anistia.
A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, afirmou hoje (23) que a Advocacia-Geral da União (AGU) já está estruturando uma "força-tarefa" para revisar a anistia concedida a mais de 2,5 mil cabos desligados da Aeronáutica durante o regime militar. A autorização foi conferida ao governo federal pelo Supremo Tribunal Federal (STF) na semana passada. 

"A gente entende que o Supremo Tribunal Federal fez justiça. Nós vamos rever tudo que aconteceu, com relação aos cabos", disse a ministra Damares Alves, na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle, da Câmara dos Deputados.

O caso diz respeito à Portaria nº 1.104, editada em 1964. Por meio do dispositivo, a Força Aérea Brasileira limitou em oito anos o tempo de serviço militar dos cabos, prazo após o qual eles deveriam ser automaticamente desligados. O assunto foi votado pelo STF e a revisão foi autorizada com placar de seis votos a favor e cinco contrários. 

Além de poder abrir processos administrativos, com direito à defesa dos cabos, o governo poderá, eventualmente, anular anistias concedidas. O STF, porém, determinou que, mesmo que as anistias venham a ser anuladas, as indenizações já pagas não devem ser devolvidas.
Entenda o caso

Em 2002, a Comissão de Anistia, após o estudo de duas comunicações antigas da Aeronáutica concluiu que a portaria que resultou no desligamento dos cabos teve como objetivo perseguir toda a categoria. A norma teria sido editada com motivações “exclusivamente políticas”, segundo o colegiado. 

O entendimento abriu caminho para a concessão de milhares de anistias e o consequente pagamento de indenizações mensais a título de reparação, uma vez que ficou atendida, para a concessão do direito, a condição prevista em dispositivo constitucional.

Desde 2006, porém, a Advocacia-Geral da União (AGU) passou a defender que o ato teve como objetivo apenas racionalizar o contingente da Aeronáutica, que em 1964 possuía quase o mesmo número de cabos (6.339) e soldados (7.661). De acordo com a AGU, essa composição acarretava em problemas hierárquicos e administrativos.

Em 2011, um grupo de trabalho interministerial, com membros do Ministério da Justiça e da AGU, foi criado para rever tais anistias, amparados em um novo entendimento de que a Portaria 1.104/1964-GM3 tratou-se de um mero ato administrativo das Forças Armadas, não podendo ser reconhecido como de motivações “exclusivamente políticas”. Por essa visão, as anistias concedidas não atenderiam às condições da Constituição.

EBC

COMMENTS

Nome

#OLabinho,4,=,1,abril,7,Acidente,6,alba,86,Assassina,7,Auto-ajuda,7,b,3,Bahia,1022,Barra da Estiva,9,BaSimoes Filhohia,3,BNDS,3,BOLSONARO,150,Brasi,52,Brasil,3452,Brasília,65,Brasíliabbr,1,Camaçari,6,CEADEB,17,chuva,4,chuvas,7,ciodades,1,Claudia Wild,8,CNH,2,comercio,49,COMUNISMO,21,Copa,1,Correios,19,Corrupção,272,D'jane Silva,6,Damares Alves,2,Dança e Cultura,18,Denúncia,450,Denûncia,94,Desabamento,13,Destaque,2059,Detran,5,dinheiro,3,Distrito Fedral,8,drogas,7,Economia,414,Educação,87,Eleição,159,Elizeu Rosa,122,Emprego,39,Encostas,3,Energia,23,Entretenimento,208,Esporte,24,Eunápolis,11,Europa,2,Feira de Santana,17,FUNAI,3,Futebol,6,GDF,1,Google,7,Governo,50,Greve,16,Ilhéus,24,Indígenas,8,Inflação,5,Internacional,51,Internacional.,68,Internet,5,Itabuna,23,Jequié,83,Justiça,61,Lauro de Freitas,22,Libertacao,1,Lva Jato,1,Meio Ambiente,39,Migrantes,33,Mundo,271,N,1,Natureza,24,Noticias,2428,Notícias,3488,Partido,3,Pastores,5,Paulo Afonso,2,Pobreza,14,poli,8,Policia,160,Polícia,416,Politica,1082,Política,2877,Política&Poder,18,Porto Seguro,15,Presidente PTN,3,PTN,3,Religião,38,Rio de Janeiro,7,Rural,2,Salvador,356,SAU,1,Saúde,187,Segurança Pública,187,Serrinha,1,Simoes Filho,6,Simões Filho,5,SSAU,1,STF,5,Tecnologia,28,Teixeira de Freitas,16,Terroristas,8,Trânsito,48,transporte,83,TRE,7,TSE,4,Violência,267,Vitória da Conquista,30,w,2,www,1,
ltr
item
Ebahia News: Damares diz que força-tarefa vai rever anistia a cabos da Aeronáutica
Damares diz que força-tarefa vai rever anistia a cabos da Aeronáutica
http://imagens.ebc.com.br/amd5pghCkHVO9V5zoA8XDvgZgyc=/1140x760/smart/http://agenciabrasil.ebc.com.br/sites/default/files/thumbnails/image/mcmgo_abr_2310191090.jpg?itok=QoExtQCv
Ebahia News
http://www.ebahianews.com.br/2019/10/damares-diz-que-forca-tarefa-vai-rever.html
http://www.ebahianews.com.br/
http://www.ebahianews.com.br/
http://www.ebahianews.com.br/2019/10/damares-diz-que-forca-tarefa-vai-rever.html
true
6004791991803311525
UTF-8
Todas as publicações Não foi encontrada nenhuma postagem VER TUDO Mais informação Resposta Cancelar resposta Delete Por Home PAGES POSTS View All RECOMENDADO PARA VOCÊ LABEL ARQUIVO PESQUISA TODAS AS PUBLICAÇÕES Não encontrou nenhuma correspondência de pós com seu pedido Voltar Início Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS CONTENT IS PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy